Bebê

Jul 29

As aventuras do #bbpelomundo começaram!

Eu estava bem ansiosa porque ali definiria se meu bebê teria herdado meu sangue de viajante ou seria um suplício a viagem, será que eu teria que dar uma pausa nas viagens ou poderia seguir feliz e contente?! Afinal, quem nunca entrou em um avião, ouviu um bebê chorar e pensou: Putz a viagem vai ser looooonga… Sim eu já fiz isso e não gostaria de ter um bebê nos meus braços chorando a viagem inteira, então para minimizar qualquer desconforto eu consultei o pediatra, perguntei tudo que tinha de dúvida, como por exemplo, a partir de que idade ele poderia voar e como faria para evitar a pressão em seus ouvidinhos.

como é viajar de avião com bebê #bbpelomundo Bebê pelo Mundo Cris Stilben crisstilben Cris pelo Mundo  (3)

Idade e ouvidos

A partir dos 2 meses o pimpolho já poderia estar pelos ares. A respeito dos ouvidos, era só dar chupeta na hora da decolagem ou aterrissagem, respostas ok! Mas mesmo assim a insegurança batia, será mesmo que a teoria seria igual a prática?
Bem, esperei ele completar 3 meses, uma vez que o sistema imunológico já estaria mais forte e menos suscetível a infecções, sendo assim mais seguro estar em aglomerações como aeroporto e avião fechado.
Vale lembrar que cada bebê é diferente e é extremamente essencial consultar o pediatra.

como é viajar de avião com bebê #bbpelomundo Bebê pelo Mundo Cris Stilben crisstilben Cris pelo Mundo  (8)

Documentos – Voos Nacionais

Se o voo for doméstico fica tudo mais fácil, menores de 12 anos só precisam estar acompanhados de um dos pais ou parentes que possam comprovar grau de parentesco maiores de 18 anos, munidos com a certidão de nascimento ou documento de identidade, no meu caso preferi até fazer uma identidade para meu bebê, além de ser mais prático de levar o documento, é mais seguro, já que sua impressão digital fica ali marcadinha, dessa maneira o registro fica mais acessível caso aconteça alguma coisa, lógico que não queremos que isso aconteça, mas precaver é sempre bom.
Ah! Não esqueça de andar com a carteira de vacinação do seu filho em qualquer tipo de voo, em caso de doença na viagem ela ajudará bastante.

Documentos – Voos Internacionais

Em voos internacionais é necessário a presença do pai e da mãe, porém se um dos dois não estiver presente é preciso uma autorização escrita por quem não vai reconhecida com firma, no modelo que pode ser encontrado no site do Tribunal da Justiça.
Também é necessário em voos com destino a países do MERCOSUL a identidade do pimpolho ou passaporte, para os demais o somente o passaporte poderá ser utilizado, porém fique de olho, pois a validade dos passaportes para crianças com até 5 anos de idade é diferente dos demais, por exemplo, bebês de um ano só tem validade do passaporte por um ano! Prestem atenção à necessidade de eventuais vistos de turismo para certos países como os Estados Unidos por exemplo.

Maiores detalhes podem ser encontrados na cartilha do passageiro, publicada pela ANAC no endereço abaixo:

http://www2.anac.gov.br/dicasanac/pdf/novo/anac_guia_do_passageiro.pdf

Dicas para o voo

Não se esqueça de levar uma manta para seu filho, com certeza ele sentirá um friozinho durante o voo, o ar condicionado é bem forte e muitas vezes não pode ser controlado, além disso tenha com você uma bolsa com fralda, mamadeira ou comidinha e chupeta. Eu recomendo levar mais de um de cada, já que pode cair no chão e esterilizar durante o voo, fica um pouco complicado. Não esqueça também de uma muda de roupa para você e seu filho, todos que tem filhos sabem que às vezes acontecem imprevistos e nenhuma mamãe e papai querem ficar molhados ou ver seus filhotes molhados durante o voo.

como é viajar de avião com bebê #bbpelomundo Bebê pelo Mundo Cris Stilben crisstilben Cris pelo Mundo  (5)

Melhor horário para voar

Eu graças a Deus não tive nenhuma complicação com meu pequeno, mesmo ficando UMA hora dentro do avião para poder ser liberada para a decolagem, ele ficou que nem um anjinho no meu colo e não reclamou nada, na viagem de ida foi o trajeto todo acordado e mamando, quis ver tudo que acontecia e não soltou um choro! Porém é mais indicado escolher voos durante a noite, quando eles estão mais acostumados a tirar aquele soninho gostooosooo.

Bebês pagam passagem?

Bebês até 2 anos de idade viajam no colo e as empresas aéreas podem cobrar até 10% do valor da passagem do adulto, porém algumas empresas não cobram por esta passagem, o que deixa a viagem mais barata, ufa! Já crianças a cima de 2 anos necessitam comprar um assento, mas algumas empresas aéreas dão descontos de até 50% para os pequenos. Quanto a taxa de embarque, para os menores de dois anos ela é isenta e para os maiores ela é cobrada.

Bem tentei resumir aqui todas as dúvidas que tive antes de embarcar com meu Bebê pelo Mundo, espero ter ajudado as mamães viajantes!

Minha viagem foi uma delicia e o Emmanuel ganhou até parabéns das comissárias de voo por ter se comportado tão bem! Não se esqueçam de dar chupeta na decolagem ou aterrissagem para seu filhote sofrer com a pressão nos ouvidos, se ele já estiver dodói antes de viajar, consulte o pediatra, pois isso sim pode ser um belo transtorno para ele.

como é viajar de avião com bebê #bbpelomundo Bebê pelo Mundo Cris Stilben crisstilben Cris pelo Mundo  (15)

Beijos e boa viagem!

About the Author

Cristina Stilben

Quero conhecer o máximo que o Mundo tem a oferecer e agora tenho mais um motivo para sair viajando por aí! Afinal, agora que virei mãe, preciso apresentar o Mundo ao meu pimpolho! Amo poder inspirar pessoas a viajar, principalmente famílias.

Blog Cris Pelo mundo - contato@crispelomundo.com.br